sábado, 11 de abril de 2015

Entrevista - W/W?


- Vamos de inicio, quando surgiu o interesse por barulhos e suas origens?

Meu interesse começou Quando conheci e comecei a ouvir bandas como  Seven Minutes of Nausea, Extreme Hair Stench , Septic Profit e outras mais puxadona pro barulho extremo e industrial mesmo.

- Quando deu inicio ao projeto? Qual o significado da sigla?

O projeto teve inicio em meados de 95 ... A sigla sempre será um segredo , mais caso queira inventar algo fique a vontade , ou se descobris ganha um cachorro quente aqui da cidade é bom demais.

- Como era a cena dos ruídos na década de 90, os lançamentos, troca de materiais e contatos, eram tudo através de cartas postais, sente falta dessa época manual ou prefere a era digital?

Era legal tinha aqui em território nacional bons projetos , como Noise Machine, Sonic Genocide e outros que num lembro agora... Lá na gringa tinha bastante coisa interessante, tudo por carta ás tapes-trade era simples o pessoal se agilizava (assim como hoje) e você enviava o material (e claro que demorava bem mais)...  Tempos depois chegava a tape em sua casa. Cada época é sua época , na verdade são tempos diferentes, muita coisa mudou.. Mais tenho uma certa saudade daquele tempo que passou .

- Além do W/W? Possui outros projetos ou atividades com a cena ruídos?

Putz ja me envolvi em inúmeras bandas .... Scarrhous, Dischord, Stupid Man, No Prejudice, Celeuma e agora atualmente me envolvi com o BIXERA. Mais Industrial apenas o W/W? mesmo.

- São 20 anos de ruídos, isso é ótimo, você mantém o projeto ativo desde o inicio ou passou por alguma pausa?

Cara são 20 anos direto de doideira... É claro que como é um projeto ele é bem limitado a lançamentos , mais sempre q da lanço algo .. Prefiro os splits a lançamentos solos. Em 2007 pensei em seriamente acabar com o projeto , mata-lo de vez mesmo... Na verdade ainda penso em fazer isso.

- Em 1997 (ou aproximadamente), o ‘W/W?’ lançou o VHS ‘Estúpidos Ruídos Alucinógenos’, são vídeos e colagens sonoras, o material teve uma boa repercussão? Já passou por essa mente doentia em relançar o material em DVD?

 É cara esse vídeo é muito bacana ..ahhahahah... Acho que divulguei umas 10 copias e olha lá .. Porra VHS era foda ... Mais tenho mais alguns vídeos industriais experimental desta mesma época, acabei na época fazendo uma compilação em VHS chamada "EXPERIMENTALISMOS" também saiu pouquinho, mais lembro que o Petter Baiestorf distribuía esse VHS em sua Canibal Filmes ...  Na verdade eu já converti os vídeos para DVD e em breve estaremos relançando essas tranqueiras em DVD com menu , bônus e um monte de frescuragem.

- Fácil perceber que não possui o habito de lançar materiais constantes, existe alguma preferência de intervalos de materiais lançados?

 É como disse acima, o W/W?  é um projeto, eu lanço quando to muito pilhado, ou ter convites para dividir algo com outras bandas, projetos...

- Enquanto aos lives, você se mantém ativo? O que costuma usar na hora das gravações e das performances?

Cara o live foi algo complicado, foi uma única apresentação em anos de estrada, a convite do meu amigo Anderson Gordo no festival ‘Noise Your Head‘  em 2012. Para mim foi uma apresentação desastrosa e única, não se repetira mais! O W/W? é um projeto para curtir em casa ou na rua no fone de ouvido e não ao vivo .

- Se quisermos saber sobre o que está por vim, como podemos fazer? Você possui algum web-site ou algo para nós manter por dentro do seu trabalho? 

Cara é só falar comigo via e-mail ou facebook .. Mais o projeto em si não possui nada de website, páginas em facebook nada... Nem é por radicalismo , nada disso é que eu acho que nem vale a pena mesmo.

- Algum trabalho no forno, algo está por vim? Shows, CD’s, Tapes, Vinil, algo algo? Nos mantenha informados!

Ta pra sair uma 4 way em tape que vai sai pelas mão do Wescley vamos aguardar... Legal!!

- Obrigado por contribuir e por dedicar seu precioso tempo estúpido para essa entrevista fuleira, você é uma influência para muita gente (inclusive a nova geração he!he!), mantenha o foco e a doença sonora, o espaço é seu para agradecimentos e insultos... 

Obrigado você Jhones por fazer uma entrevista com o W/W? ... Sabe que nesses 20 anos de projeto , só respondi umas 3 entrevistas hahahahaha ,mais ta valendo..é muito bom saber que tenho sido influencia pro pessoal maluco por barulho, continue ai com seus projetos GOD PUSSY , zines, distro e skate ( se anda bem prá caramba hahahaha) um abraço e só tenho a agradecer pelo espaço e apoio.
   

Responda rápido!

Noise Rítmico ou JunkiePlugs? Não manjo de nenhum dos dois
Analógicos ou Digital? Tanto faz
Materiais físicos ou Netlabel? Físicos
Sertanejo clássico ou Sertanejo universitário? O fim
Split ou Álbuns Solos? Splits
Policia ou Ladrão? Médico

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Questionário - Vulgar Disease


- Quando foi o seu interesse na área de música, e como foi seu primeiro contato com a música ruído?

Desde que me lembro tenho estado em constante interesse na música, não passo um dia sem ouvir algo novo ou velho, quando criança estava sintonizado com ás estações de rádios locais, para compra cassetes de lançamentos de determinado artista ou grupo.
Agora, com as inovações livre / Soulseek / blogs para baixá-lo, tem uma enorme fonte de materiais em grande parte devido à falta de dinheiro para possuir formato físico.
Meu primeiro contato com o barulho que devo a minha mãe, que foi quem me deu uma guitarra elétrica, que era o meu brinquedo, passava horas explorá-la. Depois de um tempo eu cansei de tocar com os grupos "convencionais", iniciei minha própria música, precisava de algo diferente, quando começo á me envolver mais com pedais e processadores de voz, sobretudo por coisas ambientes orientados inicialmente (2002), tocando no meu quarto e festas de amigos, quintais, às vezes chegando a tocar em universidades.
De lá até 29 de julho de 2009 eu decidi adotar o nome da ‘Vulgar Disease’ e iniciar formalmente uma carreira barulhenta.

- Sua opinião sobre os lançamentos de álbuns constantemente sem intervalos? Ajuda ou atrapalha o artista?

Para mim, me ajuda, eu tenho vários projetos ativos, estou constantemente lançar material novo. Eu acho que é positivo como você segui-lo surpreendendo o seu trabalho, quando esse sentimento de surpresa se foi é melhor do que pendurar sapatos e dedicar-se à vida familiar infeliz ou alguma outra atividade que não requer talento ou criatividade.
03 Você prefere lançar materiais virtuais ou físicos, ou indiferente para escolher?
"Free Download matou a estrela FÍSICA" indiferentes em relação ao formato, eu me sinto mais atraído por DOWNLOAD GRATUITO, é mais rápido e não tem que estar lidando com pedantes selos "próprios", o que geralmente mantêm nenhuma comunicação por longos períodos de tempo, tenho a paciência com a burocracia...
DOWNLOAD GRATUITO não requer dinheiro, infelizmente, verdadeiros e comprometidos rótulos são curtos de dinheiro, alguns deles são obrigados a lançar o material "conhecido" projetos "estabelecido" que geralmente sempre o mesmo som, isso é feito, a fim de vender e recuperar os lucros para continuar e permanecer vivo ...  Alguns deles, invariavelmente, acabam indo à falência. Obrigado a todos que arriscar selos que apostam pela música "não convencional".  Respeito!

- Tocar ao vivo, como funciona? há um processo de escolha ou escolher o foda-se e deixe ás frequências funcionarem? Há um teste e estudos antes de qualquer performance?

Estou sempre improvisando, eu tenho muitos projetos que exigem que eu seja na exploração sonora constante, dizem que é "plug & play" e foda-se e deixar que as frequências de trabalho. 'AD LIBITUM'. Eu tenho alguma idéia sonora disponível - map- mental, quando eu vir e tocar "ao vivo" às vezes soa bem diferente, mesmo é o que eu havia planejado 100%, isso não significa que me frustra, pelo contrário, eu sempre sair satisfeito com uma Viva Aktion.
MORTE, cabrones!

- Suas influências, quais são? Qual artista o influenciá?

Eu sou tanto egoísta nesse sentido, eu ainda prefiro uma experiência pessoal como uma influência, que é mais divertido. Minhas experiências pessoais são mais reais para se sentir conexão pura e autêntica definido como som de "artista",
- Para que eu tenho um profundo respeitá-los, a maioria deles são mencionados no meu blog [[http://www.sssonicage.blogspot.com]] .. MEUS IRMÃOS de barulho! É claro que um bom livro / filme / pintura / esportes criar-me alguma ansiedade que consciente ou inconscientemente refletido no meu trabalho.
Os erroneamente chamados de "desvios sexuais" Eu me sinto atraído por muito (zoofilia / pedofilia / atos sexuais/ desastres naturais) A vida de alguns assassinos em série também é algo que eu amo.

- Como é a atual cena local? O que você acha de novos artistas que aparecem ultimamente?

Eu não sei nada da cena local, eu sou a cena local!! Eu não me importo se os novos artistas aparecem assaltando a cena, não importa se é mexicana ou estrangeira.
Suponho que isso é positivo, isso significa que o ruído está se expandindo, logo todo mundo vai está ouvindo apenas o barulho!

- Um álbum que as pessoas deveriam ouvir antes de o mundo acabar?

Qualquer coisa de ‘Vulgar Disease’, talvez um álbum de Britney Spears.

- Obrigado por tomar o tempo para este questionário, sinta-se livre para deixar sua mensagem.

Obrigado a você Jhones Silva (God Pussy) para o seu tempo e apoio ao longo dos anos.
Viva Favela, seus bastardos!

“ I have no desire whatever to reform myself. My only desire is to reform other people who try to reform me.  and I believe that the only way to reform people is to kill em.  My motto is, Rob em all, Rape em all and Kill em all.” 

- Carl Panzram

Obrigado.

quinta-feira, 9 de abril de 2015

Noise Machine - Paranoia



01 - I Bother You
02 - Methods Of Cruelty
03 - The Final Words
04 - Judgments
05 - Moulded By Perfection
06 - The Noise Might Keep You Awake
07 - Death Row Paranoia
08 - World Into Oblivion
09 - Take The Blame
10 - Lack Of Perception
11 - Pulp_Head Dirt (Infamous Noisy Mix - Godflesh Cover)

Download

terça-feira, 7 de abril de 2015

Delectation - Nightmare Office



01 - Nightmare Office
02 - 2012 Never More
03 - Rush
04 - Feeling Sick
05 - The Next Day
06 - When Things Go Wrong
07 - The Wall
08 - SP Water Crisis
09 - Brazil Economy
10 - Unlived Lives
11 - No time for the close-minded
12 - Disturbing Memories
13 - Not Resign Myself
14 - 5862-10
15 - Pseudolesbian
16 - ENEM
17 - Netmove
18 - Zest

Download

domingo, 5 de abril de 2015

AAAxx - the aaa0x singles compilation



01 - aaa01
02 - aaa02
03 - aaa03
04 - aaa04
05 - aaa05

Download

Anarco Vomit Noise - Delírio Persecutório



01 - Delírio Persecutório

Download

Room Of Wires - CV OUT 2



"CV OUT 2" é transmissão de áudio e vídeo; Live modular synths, classic electronica e bleep do futuro criado por 'Room of Wires', video por 'Junky Videoplasm'.

Thiago Miazzo - VOLUME 1



01 - Untitled
02 - Untitled
03 - Untitled
04 - Untitled
05 - Untitled
06 - Untitled
07 - Untitled
08 - Untitled
09 - Untitled
10 - Untitled
11 - Untitled
12 - Untitled
13 - Untitled
14 - Untitled
15 - Untitled
16 - Untitled
17 - Untitled
18 - Untitled
19 - Untitled
20 - Untitled
21 - Untitled
22 - Untitled
23 - Untitled
24 - Untitled

Download

Sleep Session - Suicide & Mirrors



01 - Sex Dynamics
02 - Vile Engine
03 - Drop
04 - Bruxism
05 - Live February 23rd, 2013 @ Granda, Lodz, Poland
06 - Suicide & Mirrors

Download

CCJ Experimental



01 - Estática e Flutuação
02 - Sem Título, 13/12/09, No. 3
03 - Improvisação 2
04 - Sessão CCJ III
05 - As Duas Criaturas que Estavam à Mesa Não Tiveram Esta Conversa
06 - Anima (em Memória de Ignacio de Campos)
07 - Entrescuta: Maquínica

Download